Missa de instalação do mosteiro das carmelitas em MT é na Unifacc Sedac

Publicado em: 16, junho/2021

O arcebispo de Cuiabá, dom Milton Antônio dos Santos, presidiu a missa de implantação do Carmelo de São José das freiras enclausuradas. O mosteiro, ligado ao Carmelo Imaculado Coração de Maria e Santa Teresinha, na cidade de Cotia, da Diocese de Osasco (SP), começou a funcionar na Arquidiocese de Cuiabá, no prédio do Centro de Treinamento Polivalente Rainha dos Apóstolos (Cetra).

O decreto de instalação do mosteiro das irmãs carmelitas, ao lado do Hospital Metropolitano, no Bairro Cristo Rei, em Várzea Grande, foi aprovado pelo prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica da Santa Sé, cardeal João Braz de Aviz.

Além de sete irmãs e uma noviça, transferidas de São Paulo, o novo mosteiro recebeu mais sete jovens que decidiram viver a vida religiosa totalmente dedicada à oração, com votos de pobreza, castidade e obediência.

A missa presidida por dom Milton, no Auditório da Unifacc Sedac – Studium Eclesiástico Dom Aquino Corrêa, no sábado, 12 de junho, na parte da manhã, foi concelebrada por sacerdotes da arquidiocese e de dioceses que compõem o Regional Oeste 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) em Mato Grosso.

A diretora Acadêmica da Unifacc-MT, professora-doutora Ana Maria Di Renzo, como representante da Instituição de Ensino Superior (IES), saudou as irmãs e noviças e agradeceu a presença do Carmelo de São José na Arquidiocese de Cuiabá.

|